Notícias do mundo CD, TS, TV

Loading...
Loading...

quinta-feira, 29 de abril de 2010

“O Que Há Por Trás?” - Documentário sobre travestis de Vilhena-RO






O Que Há Por Trás legendado from wkmoraes on Vimeo.
Documentario

Segue a notícia original, publicada no Jornal Extra de Rondônia, em 08/10/2009:


ACADÊMICA DE JORNALISMO CONTA VIDA DE TRAVESTIS EM DOCUMENTÁRIO

Publicado por Redação [noticia] em 08/10/2009

Estréia do filme ocorrerá no dia 30 de outubro.

O documentário vilhenense “O Que Há Por Trás?” dirigido pela acadêmica de jornalismo Andréia Machado, foi selecionado para concorrer nas mostras competitivas de dois grandes festivais de curtas-metragem da região.

Os festivais em que o documentário será exibido se tratam da 4ª Mostra Amazônica do Filme Etnográfico de Manaus que acontece entre os dias 27 e 31 de outubro na capital amazonense e o Festival Só Curtas de Ji-Paraná que será realizado no dia 24 de outubro.

O curta-metragem de 18 minutos mostra o cotidiano e a intimidade de três travestis que se prostituem em Vilhena na clássica Avenida Presidente Nasser. Dentre revelações polêmicas sobre como acontece um programa, o filme aborda, através de relatos, o descobrimento homossexual ainda na infância, o modo de vida e os sonhos destas pessoas ainda submersas no preconceito da sociedade.

A estréia do filme em Vilhena está marcada para o dia 30 de outubro no espaço Paladar.
 
Link da matéria original (atualmente indisponível):


.
.
 

2 comentários:

  1. Olá,

    Passando por este blog achei interessantíssimo a promoção do audiovisual sobre a cultura crossdresser.

    Tenho um documentário que venceu a Expocom 2009 na categoria de melhor documentário universitário e trata sobre drag queens.

    Seria um prazer que ele fosse divulgado aqui.

    Mais informações estão disponiveis no blog: http://dragstars.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Jo,

    Muito obrigado, eu vou fazer uma postagem sobre o seu documentário. Posso usar o que está no blog, ou vc prefere escrever algo novo ?

    Bjus, Luísa.

    ResponderExcluir